Domingo, 25 de Julho de 2010

(III) Capitulo V

A Akira, a Sora, o Kakashi e o Naruto tinham acabado de arrumar a tenda e já estavam à procura. No final da tarde não conseguiram nada, mas encontraram a Sakura a espia-los.

 

Kakashi: Mas o que é que tu estás aqui a fazer Sakura?

 

A Sakura não responde.

 

Kakashi: Também já é longe para voltares sozinha, mas o que é que te deu?

Akira: KAKASHI!!! EU NÃO VOU NA MISSÃO COM ELA!!!!!

Kakashi: Tem que ser!

 

A Akira aproxima-se da Sakura e diz-lhe:

 

Akira: Não te tornes um fardo!

Sakura: Eu não sou nenhum fardo!

Kakashi: Sakura! Agora a sério. Porque é que nos seguiste?

Sakura: Eu quero matar o Itachi! Ele foi a razão pelo qual o Sasuke foi-se embora da aldeia.

 

A Akira desata-se a rir.

 

Akira: Tu és demasiada fraca para conseguir sequer arranha-lo.

Sakura: Tu és mais fraca que eu!

Akira: É por isso que me tornei Chunnin!

Kakashi: Parem de discutir, montem as tendas.

Akira: O quê? já?

Kakashi: Vocês perderam muito tempo a discutir!

Sora: Fogo! Estou bué preocupada com a Mai! E tenho bués saudades do Shikamaru!

Akira: Tu já estás muito tempo com o Shikamaru e estar alguns dias sem ele não te faz mal nenhum.

 

A Sora fica irritada e vai para a tenda deixando a Akira de guarda.

 

No esconderijo dos akatsuki, a Mai tinha acabado por adormecer deixando o Pein e a Aya a conversar sobre qual seria a melhor maneira de apanhar o Naruto quando ele lá chega-se.

 

A Aya estava toda contente em quanto ouvia o plano do Pein, pois era a primeira vez que o pein lhe contava o plano em primeiro lugar.

 

A Mai acordava cheia de fome, ela já não comia à dois dias. O Pein olha para o local onde a Mai estava e via que já estava acordada.

 

Pein: Come!

 

Ele pega na comida e enche uma colher com comida, aproxima-a da boca de Mai, só que ela desvia a cara da comida.

 

Pein: Mas tu não comes.

 

Ele começa a obrigar a Mai a comer e ela fazia um esforço para não comer.

 

A Aya começou a dar pontapés a Mai para ver se ela comia o que o Pein lhe estava a dar.

 

Pein: Aya vai lá pra fora.

 

A Aya saiu da sala e o Pein voltou a tentar dár comida à Mai, mas desta vez ela acaba por comer, assim o Pein deixa-a em paz.

 

Passado um tempo a Aya volta à sala onde estava a Mai, que agora não estava lá ninguém só ela e a Mai. Ela começa a dar murros e pontapés à Mai.

 

Aya: Porquê? Porque é que ele me mandou embora? Foi tudo por tua causa!!

 

 

 

PS: se forem queridos com os comentários eu ponho um capitulo à noite e bem grandito!!!

 

publicado por Calypso às 14:54
link do post | criticar | favorito
|
1 critica:
De Diiane a 25 de Julho de 2010 às 17:18
*______* Mais...

Comentar post

.Musica


MusicPlaylistView Profile
Create a MySpace Music Playlist at MixPod.com

.mais sobre mim

.pesquisar

 
I adopted a Naruto chibi! ^.^


.Agosto 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. The bitter taste of reven...

. Voltei/ Prólogo

. Capitulo 2 parte 4

. Capitulo 2 parte 3

. Capitulo 2 parte 2

. Capitulo 2 parte 1

. Capitulo 1 parte 2

. Capitulo 1 parte 1

. Nova fic

. Capitulo 16 (último)

.arquivos

. Agosto 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

blogs SAPO

.Histórias do Serum Maluco