Quarta-feira, 21 de Julho de 2010

(III) Capitulo II

Nesse preciso momento o cenário mudou e a Mai voltou a estar a esconder-se deles e à escuta do que eles diziam. Mas eles sabiam que ela estava ali, ela não conseguia perceber o que eles dizia, mas percebia pelos olhares. Então foi atacada por uma marioneta.

 

Mai: Kai

 

Saiu do Genjustu que a Aya tinha feito.

 

Aya: Muito esperta! Já o tinha percebido quando fos-te salvar a tua amiga Sora. Acho eu que se chama assim!

 

Uma marioneta voltou a atacar, mas desta vez era real, não estava em nenhum genjustu, algumas kunans foram lançadas e atingiram a marioneta que retrocederam.

 

Sasori: Temos companhia!

 

Duas raparigas sairam dos arbustros.

 

Aya: Só são as amigas parvas da Mai!

Akira: Tu chamas-te nos parvas? Vais levar.

Aya: UI! Estou cheia de medo.

 

A Akira com um justu de água fez uma onda que com um justu de ar da Mai se transformou num furacão de água que pegou na Aya.

 

Akira: E agora já estás com medo?

 

O Sasori faz com que uma das suas marionetas a vá buscar ao furacão e com outra marioneta manda kunans para as 3 raparigas, ferindo-as.

 

O cenário voltou a mudar, a Mai estava numa montanha com o Gaara, mas ele estava a dar-lhe chicoteadas, a Akira estava num corredor sem fim e sem portas, ela corria à prócura duma porta só que não encontrava, a Sora estava no esconderijo antigo do Orochimaru a levar com as lanças nela. As raparigas perceberam que estavam numa ilusão.

 

Mai, Akira e Sora: Kai!

Aya: Foi divertido em quanto durou.

Sora: Foi divertido ver o nosso sofrimento?

Aya: Sim! Os vossos gritos de desespero.

Akira: Acabou-se!

 

A Sora pega na sua querida flauta e começa a toca-la deixando os adversários em transe. Pensando que os tivessem derrotado a Sora parou de tocar e começaram a andar para a aldeia, só que uma das marionetas enrola-se ao pé de Mai e outra marioneta atira umas kunans para as outras 2 raparigas.

 

A Aya e o Sasori levantam-se e agarram na Mai, levando-a. Levaram para uma gruta onde eles tinham passado as noites enquanto estavam lá a investigar a aldeia do som. Pousaram-na no chão.

 

Sasori: Resultou.

Aya: Agora vamos escrever a carta para as queridas amigas.

 

A Sora e a Akira estavam a comer no restaurante a pensar no que iram fazer quando aparece um empregada com uma carta.

 

Sora: "Vocês querem a vossa querida amiga então venham ter connosco ao local onde lutamos e tragam-nos a informação que tem sobre a aldeia do som"

 

A Sora acabou de ler e levantou-se.

 

Sora: Temos que arranjar informações para trocar-mos amanha pela Mai!

Akira: Vamos lá!

publicado por Calypso às 14:18
link do post | criticar | favorito
|
2 criticas:
De Diiane a 21 de Julho de 2010 às 15:05
LIndo!
De Sonya*-* a 21 de Julho de 2010 às 17:04

Olá
Obrigada pelo comentário, é tão bom saber que depois deste tempo todo sem postar mesmo assim ainda tenho leitoras que gostam da minha fic
Obrigada mesmo
Acabei de ler os teus dois capitulos os que me faltavam está muito girooo
posta mais
bjinhozz

Comentar post

.Musica


MusicPlaylistView Profile
Create a MySpace Music Playlist at MixPod.com

.mais sobre mim

.pesquisar

 
I adopted a Naruto chibi! ^.^


.Agosto 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. The bitter taste of reven...

. Voltei/ Prólogo

. Capitulo 2 parte 4

. Capitulo 2 parte 3

. Capitulo 2 parte 2

. Capitulo 2 parte 1

. Capitulo 1 parte 2

. Capitulo 1 parte 1

. Nova fic

. Capitulo 16 (último)

.arquivos

. Agosto 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

blogs SAPO

.Histórias do Serum Maluco